07h00 - quarta, 17/04/2019

Lar de São Martinho das
Amoreiras vai ser ampliado

Lar de São Martinho das Amoreiras vai ser ampliado

A Casa do Povo de São Martinho das Amoreiras, no concelho de Odemira, vai avançar com obras de requalificação e ampliação do seu lar de Terceira Idade. O concurso público da empreitada foi lançado no final de Março e prevê um investimento de quase 1,2 milhões de euros que permitirá alargar o número de camas na instituição.
"Neste momento dispomos apenas de 26 camas na vertente de lar, o que é manifestamente insuficiente, de maneira que a ampliação visa passarmos a ter 39 camas", nota o presidente da Casa do Povo, reconhecendo que a ampliação da capacidade do lar será importante para garantir a sustentabilidade financeira da instituição. "Com este número de utentes o lar [de São Martinho das Amoreiras] não se torna viável economicamente. De maneira que temos de o ampliar", reforça Manuel Loução.
Além da ampliação, as obras previstas permitirão igualmente a requalificação do equipamento. "Embora este seja um edifício relativamente recente, está de facto a precisar de obras. Já não obedece às normas actualmente exigidas e tem de sofrer uma alteração", justifica o presidente da Casa do Povo.
O concurso público para a empreitada de ampliação e remodelação do lar de São Martinho das Amoreiras, publicado em Diário da República a 26 de Março, tem um preço-base de 1.164.097,07, valor revisto em alta depois de um primeiro concurso não ter tido concorrentes. Na altura "acederam à plataforma seis empresas, mas quatro não disseram rigorosamente nada e duas deixaram declarações a dizer que por aquele preço-base não era possível fazer a obra. Daí termos necessidade de fazer uma revisão de preços e lançar um novo concurso", justifica Manuel Loução.
O presidente da Casa do Povo de São Martinho das Amoreiras estima que as obras no lar estejam concluídas "no final de 2020". O projecto conta com os apoios financeiros do Alentejo 2020 e da Câmara de Odemira, num montante total de cerca de um milhão de euros. O valor restante será assumido pela instituição, que, segundo Manuel Loução, deverá recorrer à banca para o efeito. A empreitada conta ainda com o apoio logístico da Junta de Freguesia de São Martinho das Amoreiras.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h01 - segunda, 20/05/2019
Inscrições abertas
para as Brisas 2019
A Câmara de Odemira tem abertas até ao próximo dia 6 de Junho as inscrições para mais uma edição da "Brisas do Atlântico", evento desportivo multidisciplinar que vai decorrer a 10 de Junho entre o Almograve e a Zambujeira do Mar.
07h00 - segunda, 20/05/2019
Jornada sem vitórias
para equipas de Odemira
A 21ª jornada do campeonato distrital da 1ª divisão de Beja, realizada na tarde deste domingo, 19, teve um sabo amargo para as equipas do concelho de Odemira, sendo que nenhuma logrou somar os três pontos.
07h00 - quinta, 16/05/2019
Regadio no Mira com
taxa de utilização de 60%
Meio século após a construção da barragem de Santa Clara, estão a ser utilizados 60% dos cerca de 12 mil hectares abrangidos pelo Aproveitamento Hidroagrícola do Mira (AHM).
07h00 - quarta, 15/05/2019
Praias de Odemira com
mais três bandeiras azuis
No Verão de 2019 serão 12 as praias do concelho de Odemira a ostentar a Bandeira Azul, símbolo de qualidade e excelência ambiental atribuído pela ABAE-Associação Bandeira Azul da Europa.
07h00 - quarta, 15/05/2019
Vitacress vai usar
algas como fertilizante
A empresa Vitacress, com sede na freguesia de Boavista dos Pinheiros (Odemira), está a trabalhar num projecto de investigação que prevê a utilização de microalgas como fertilizante orgânico na agricultura.

Data: 10/05/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial