08h00 - quinta, 20/06/2019

AHSA defende melhores
condições de acolhimento

AHSA defende melhores condições de acolhimento

Resolver a questão do acolhimento e da integração dos cidadãos estrangeiros a trabalhar nas explorações horto-frutícolas do concelho de Odemira tem de ser uma prioridade, no sentido de garantir o desenvolvimento de um sector que já movimenta anualmente mais de 200 milhões de euros. A posição é assumida pela Associação dos Horticultores, FGruticultores e Floricultores dos Concelhos de Odemira e Aljezur (AHSA), com sede em Odemira e que congrega duas dezenas de empresas ligadas ao sector.
Em comunicado enviado ao "SW", a AHSA frisa ser "fundamental" actuar "de forma concertada, com os vários actores do território, na perspectiva de melhor gerir o dinamismo que se espera de um território de enorme potencial, como é este do Sudoeste Alentejano".
Segundo a associação, o sector debate-se, "desde há uns anos a esta parte, com uma situação crónica de escassez de mão-de-obra nacional", sendo obrigado recorrer a cidadãos estrangeiros. Nesse sentido, afirma a AHSA, "criar condições de acolhimento e de integração deverá ser o verdadeiro tema em discussão", defendendo o alojamento deste tipo de colaboradores "dentro das próprias unidades de produção agrícola, em estruturas temporárias construídas para o efeito".
No comunicado, a AHSA explica ainda que nos mais de 80.000 hectares de área de Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina (PNSACV), apenas em 7.000 hectares se pratica algum tipo de agricultura, dos quais 300 hectares através de estufas e 1.300 hectares com algum tipo de cobertura – ou seja, "menos de 2% da área do PNSACV e de 0,7% da área total do concelho" de Odemira.
Por isso mesmo, a AHSA afirma não se rever na moção do PS pelo desenvolvimento sustentável de Odemira.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - terça, 28/01/2020
"Odemira Empreende" tem
"resultados encorajadores"
O Odemira Empreende-Programa Municipal de Empreendedorismo e Emprego é dinamizado pela Câmara Municipal local no sentido de estimular a economia local, nm trabalho de fundo que, na opinião do vice-presidente da autarquia, já tem resultados visíveis no concelho.
19h51 - domingo, 26/01/2020
Milfontes e Odemirense
perdem no campeonato
As equipas do Praia de Milfontes e do Odemirense fecharam da pior forma a primeira volta do campeonato distrital da 1ª divisão de Beja, ao perder na tarde deste domingo, 26 de Janeiro.
07h00 - quinta, 23/01/2020
DECO esclarece
consumidores do
concelho de Odemira
A DECO-Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor vai continuar a promover sessões gratuitas de atendimento ao consumidor na vila de Odemira em 2020, sempre na terceira quinta-feira de cada mês.
07h00 - quarta, 22/01/2020
CM Odemira distingue
"espírito empreendedor"
Potenciar o reconhecimento público, a dignificação, a valorização e o prestígio da actividade empresarial no concelho é uma das principais metas dos prémios "Espírito Empreendedor", promovidos pela Câmara de Odemira.
07h00 - terça, 21/01/2020
Odemira recebe
palestra de tecelagem
O novo espaço CRIAR, em Odemira, recebe nesta terça-feira, 21 de Janeiro, a palestra "Decifrando Telas Históricas", pela artesã Helena Loermans, que dinamiza o LAB O.

Data: 17/01/2020
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial