07h00 - quinta, 09/07/2020

Sines: Cabo submarino é projecto
de "Relevante Interesse Municipal"

Sines: Cabo submarino é projecto de "Relevante Interesse Municipal"

A Câmara e a Assembleia Municipal de Sines atribuíram ao cabo submarino do consórcio EllaLink, que fará a primeira ligação directa em fibra óptica entre o Brasil e a Europa, a declaração de "Projecto de Relevante Interesse Municipal".
Ao declarar o projecto como sendo de "Relevante Interesse Municipal", a autarquia siniense afirma a expectativa de que a entrada do cabo em Sines "contribua significativamente para a diversificação económica local e se traduza num novo hub nacional/ ibérico de âmbito tecnológico e no domínio das telecomunicações", justifica o presidente Nuno Mascarenhas.
Nesse sentido, foi criado o Sines TECH-Innovation & Data Center Hub, espaço para acolhimento de empresas de base tecnológica, integrado na Zona Industrial e Logística de Sines (ZILS), gerido pela aicep Global Parques.
Neste espaço, começou a ser construída em Março a estação de recepção do cabo, a que ficará associado um centro de processamento de dados.
De acordo com a declaração agora aprovada, este projecto configura "um dos maiores contributos para a diversificação da economia local e regional, criando uma nova abertura da economia de Sines ao exterior, a novos sectores e mercados".
A autarquia antevê igualmente que o projecto traga também "um maior fluxo de quadros e que estes investimentos possam criar mais emprego e mais qualificado, aumentando ainda a atractividade do território para novos residentes"
Recorde-se que o cabo transatlântico EllaLink tem uma extensão de 10.119 quilómetros e ligará Fortaleza (Brasil) a Sines (Portugal), passando pelos arquipélagos de Cabo Verde e da Madeira, oferecendo uma capacidade de transmissão de dados de 72 terabits por segundo, com baixa latência.
A instalação do cabo faz ainda parte do projecto "Bella-Building the Europe Link to Latin America", que agrega as redes de ciência europeia (GÉANT) e sul-americana (Rede Clara) e visa disponibilizar conectividade a instituições de ensino e centros de pesquisa científica entre a Europa e a América Latina.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - quarta, 23/06/2021
Casal detido
por cultivar canábis
em Milfontes
Um casal foi detido pela GNR nesta segunda-feira, 21, em Vila Nova de Milfontes, no concelho de Odemira, por suspeitas da prática do crime de cultivo de canábis.
07h00 - quarta, 23/06/2021
Volta ao Alentejo
em bicicleta passa
pelo Alentejo Litoral
Um pelotão de 124 ciclistas, em representação de 18 equipas, vai correr a 38ª edição da Volta ao Alentejo em bicicleta, na estrada a partir desta quarta-feira, 23, com início em Reguengos de Monsaraz e final em Évora.
07h00 - quarta, 23/06/2021
APA solicita libertação
de água para caudal do Mira
A Agência Portuguesa do Ambiente (APA) solicitou à Associação de Beneficiários do Mira (ABM) a libertação de água da albufeira de Santa Clara para o caudal ecológico do rio Mira, no concelho de Odemira.
07h00 - terça, 22/06/2021
Canoagem promovida
nas escolas de Odemira
Promover a prática da canoagem entre a comunidade estudantil é a grande meta do protocolo estabelecido, no âmbito do Desporto Escolar, entre o Agrupamento de Escolas de Odemira (AEO) e o Clube Fluvial Odemirense (CFO).
07h00 - segunda, 21/06/2021
Praia para uso canino
criada em Milfontes
Uma praia concessionada que também admite cães vai funcionar, nesta época balnear, de forma experimental, em Vila Nova de Milfontes, no concelho de Odemira, revela o vice-presidente da câmara, Ricardo Cardoso.

Data: 18/06/2021
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial