07h00 - sexta, 02/10/2020

Misericórdia de Santiago sem
dinheiro para salários na UCC

Misericórdia de Santiago sem dinheiro para salários na UCC

A Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém não vai conseguir pagar os salários do mês de Setembro aos cerca de 80 funcionários das suas unidades de Cuidados Continuados (UCC), revelou esta semana a Rádio M24 (Santiago do Cacém).
A notícia foi confirmada pelo provedor da instituição, Jorge Nunes, que citado pela M24 adiantou que em causa estão os vencimentos dos cerca de 80 trabalhadores que garantem o funcionamento das UCC de média e longa duração, que funcionam no edifício do antigo Hospital Conde do Bracial, em Santiago do Cacém.
"Desde 2017 até agora o aumento que houve para as UCC foi de 0,03%, um valor ridículo, e os salários mínimos aumentaram 17%. Em Julho, as duas unidades já vão com 122 mil euros de prejuízos, quando chegarmos ao final do ano, vamos com 250 ou 300 mil euros de prejuízos. Isto é insuportável", sublinhou o provedor à estação de Santiago do Cacém.
Esta situação levou a mesa administrativa da Misericórdia de Santiago do Cacém a convocar uma Assembleia Geral extraordinária para esta sexta-feira, 2 de Outubro, por forma a que os irmãos da instituição possam aprovar a venda de um imóvel e "um financiamento para arranjar dinheiro para pagar os trabalhadores", revelou Jorge Nunes.
Ainda assim, acrescentou o provedor à M24, esta é uma situação "insuportável", que não pode ser minimizada "à custa da venda de património e de endividamento da instituição".
"O Estado tem de olhar por isto e se, esta situação não for resolvida, a única solução é fechar a UCC, porque o Estado não cumpre com o que devia. Manda aumentar o vencimento dos trabalhadores e não aumenta as suas comparticipações", acrescentou Jorge Nunes à M24.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - terça, 24/11/2020
Oficina de ilustração
nas escolas de Santiago
Um total de 55 alunos e 12 professores da disciplina de Artes Visuais do terceiro ciclo e ensino secundário dos agrupamentos de escolas de Santo André, Santiago do Cacém e Professor Arménio Lança (Alvalade) participaram na iniciativa "Contos Malteses-Oficina de Ilustração", dinamizada pelo escritor e ilustrador Marco Taylor.
07h00 - terça, 17/11/2020
Tribuna Pública em
defesa do SNS em Santiago
O PCP do Litoral Alentejano promove nesta terça-feira, 17, uma Tribuna Pública sob o lema "Em defesa do SNS contra o saque dos grupos privados", que terá lugar às 10h30 no Jardim Municipal de Santiago do Cacém, junto à Câmara Municipal.
07h00 - segunda, 09/11/2020
Passeio das Barcas em
Santo André requalificado
A Câmara de Santiago do Cacém aprovou na passada semana, em reunião do executivo, o projecto de valorização do espaço público do Passeio das Barcas, em Vila Nova de Santo André, avaliado em mais de 200 mil euros.
07h00 - quinta, 05/11/2020
ARBCAS faz acordo
com AgdA sobre
Monte da Rocha
A Águas Públicas do Alentejo e a Associação de Regantes e Beneficiários de Campilhas e Alto Sado (ARBCAS) anunciaram esta semana um acordo sobre a comparticipação de ambas na gestão da albufeira do Monte da Rocha, no concelho de Ourique.
07h00 - segunda, 02/11/2020
CM Santiago reúne com
associações desportivas
O presidente da Câmara de Santiago do Cacém e o vereador com o pelouro do Desporto na autarquia reuniram na passada semana com representantes das associações desportivas do concelho.

Data: 13/11/2020
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial