07h00 - sexta, 17/09/2021

Pedro Gonçalves (BE): "Odemira irá fazer história"

Pedro Gonçalves (BE): "Odemira irá fazer história"

O candidato bloquista à Câmara de Odemira, Pedro Gonçalves, acredita que terá um lugar na vereação do próximo executivo municipal.

Porque razão devem os odemirenses elegê-lo presidente do Município de Odemira?
Esta candidatura do Bloco de Esquerda (BE) em Odemira é o projeto que vai olhar de igual modo para o interior e para o litoral do concelho. O concelho de Odemira precisa de mudança, precisa de quem queira fazer mais por Odemira e que não esteja comprometido com o sistema vigente. Odemira neste momento é um concelho que em parte do seu território está capturado pelos "senhores" da agricultura intensiva, assente na violação dos direitos humanos do trabalhadores, nos químicos e no plástico, na sua área litoral. Um concelho abandonado e "eucaliptizado" em todo o seu território interior, onde os habitantes são vistos como odemirenses de segunda. Deverá haver uma aposta em todo o território, tratando o concelho como um todo e todos os seus habitantes de forma igual, independentemente da nacionalidade de origem, da condição social ou da cor partidária. Só o BE se constitui como verdadeira alternativa ao poder dominante e à alternância até aqui registada entre as outras forças de esquerda.

Dentro daquilo que é o vosso programa eleitoral, que áreas serão prioritárias para o mandato 2021-2025?
São vários os problemas do concelho, mas de modo resumido temos dois problemas centrais que urge resolver no imediato. O problema das vias de comunicação degradadas e sem condições e o problema da escassez de água com o qual nos vamos debater brevemente. Iremos lutar por um território mais acessível, com mais qualidade de vida, mais emprego, mais transportes, mais segurança, mais solidário, com mais cultura e mais desporto. Esbater as diferenças entre o interior e o litoral, promovendo uma verdadeira política descentralizadora, quer a nível socioeconómico, quer a nível da saúde e ambiente e com uma aposta sustentável na área do turismo. Não podemos no entanto esquecer a nossa luta pela mudança de paradigma no Litoral Alentejano e aí vamos continuar a afirmar convictamente "Nem mais uma estufa em Odemira"sem estarem resolvidos todos os problemas identificados no relatório da IGAMAOT em 2017.

Que projeto é essencial ser concretizado em Odemira?
O BE apresenta várias propostas que não caberiam em tão curto espaço, mas das quais destaco um programa municipal de habitação pública, que é a medida que permite baixar o preço das casas, o que é essencial para responder à crise. Nomeadamente, recuperar para a habitação o edificado público que está subaproveitado ou devoluto. Recuperar casas devolutas de proprietários privados sem recursos, ficando com as receitas do arrendamento para o Município até à recuperação do investimento e construir nova habitação onde e se necessário, com eficiência energética e planeamento que não reproduza os guetos habitacionais do passado.

O que será um bom resultado para a vossa candidatura na noite de 26 de setembro?
Foi a confiança de toda a equipa do BE de Odemira que nos trouxe até aqui e que nos vai levar a um resultado que esperamos histórico. Espero e conto com um bom resultado no dia 26 e é esse o sinal que temos recebido dos odemirenses. O BE deseja e vai aumentar a votação e o número de eleitos no concelho. Odemira irá fazer história e será aqui que elegeremos o primeiro vereador e o primeiro presidente de junta de freguesia para o BE no Alentejo.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - sábado, 16/10/2021
Workshop de
alimentação saudável
em São Luís
A Câmara de Odemira promove neste sábado, 16, pelas 15h00, no Mercado Municipal da localidade de São Luís, o workshop "Alimentação Saudável".
07h00 - sábado, 16/10/2021
Jovem de Odemira
encena peça de Hemingway
"Muito para o Largo ou Santiago e o Mar" é o título da peça de teatro, com encenação e interpretação da jovem atriz odemirense Sónia Barradas, que vai ser apresentada em Odemira neste sábado, 16.
07h00 - quinta, 14/10/2021
Dispositivo de combate a
incêndios rurais prorrogado
O ministro da Administração Interna anunciou a prorrogação, até 31 de Outubro, do dispositivo terrestre de combate a incêndios rurais nos corpos de bombeiros.
14h37 - terça, 12/10/2021
Prisão preventiva para
suspeito de atear incêndio
nas instalações do CFO
O alemão de 35 anos suspeito da autoria do incêndio que na madrugada de sábado, 9, destruiu as instalações do Clube Fluvial Odemirense (CFO), em Odemira, vai aguardar julgamento em prisão preventiva.
07h01 - terça, 12/10/2021
Câmara de Odemira vai
apoiar Fluvial Odemirense
O novo presidente da Câmara de Odemira, o socialista Hélder Guerreiro, anunciou nesta segunda-feira que a autarquia está "totalmente disponível" para apoiar o Clube Fluvial Odemirense (CFO), cujas instalações foram destruídas por um incêndio na madrugada de sábado, 9.

Data: 15/10/2021
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial