16h02 - quinta, 21/04/2022

O elogio da persistência


Carlos Pinto
As coisas aparentemente "simples" dão muito trabalho. Pode haver muito boa gente a pensar o contrário, mas será seguramente porque nunca estiveram envolvidos na organização de algo em prol da comunidade ou de uma determinada instituição. É que para fazer acontecer é preciso coragem, dedicação e persistência… muita persistência.
As Festas de Maio, que arrancam no próximo dia 29 de abril na aldeia de Amoreiras-Gare, no interior do concelho de Odemira, são um perfeito exemplo disso mesmo. Um certame que nasceu da boa-vontade de muitos para divulgar as artes e as tradições locais que, rapidamente, se transformou num evento emblemático, capaz de trazer centenas de visitantes ao território. Tudo feito sem assomos de protagonismo ou outros "artificialismos", mas sim com simplicidade e uma clara noção do que era esperado da iniciativa.
Passados 30 anos, as Festas de Maio ganharam um lugar próprio no calendário festivo da região, sendo hoje um espaço de convívio e (re)encontro, além de palco privilegiado para o cante alentejano, para o cante a despique e baldão e para a viola campaniça. Mas as festas são ainda mais que isso: constituem um momento único de promoção territorial e de desenvolvimento económico numa zona longe de todos os "centros".
Por tudo isto, quem fez e faz as Festas de Maio está, indiscutivelmente, de parabéns. Pela coragem, pela dedicação e pela persistência!

2. Persistência é também uma das características de todos aqueles que, quinzenalmente, ajudam a fazer o "SW". Já lá vão 200 edições desde que, a 7 de fevereiro de 2014, nasceu este projeto jornalístico vocacionado para o Alentejo Litoral. O caminho percorrido nunca foi fácil, mas as metas alcançadas compensam todo o esforço e dedicação. Obrigado.



Outros artigos de Carlos Pinto

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - sexta, 24/06/2022
AdSA tem
novo centro de
atendimento
A empresa Águas de Santo André (AdSA), com sede em Vila Nova de Santo André (Santiago do Cacém), acaba de lançar um novo serviço de atendimento aos clientes, a funcionar em permanência 24 horas por dia.
07h00 - sexta, 24/06/2022
Nova central solar vai
ser construída em Sines
Uma central fotovoltaica, com capacidade para mais de 91 mil painéis solares e uma potência de 49 megawatts, vai ser instalada no concelho de Sines, numa área de 100 hectares.
11h00 - quinta, 23/06/2022
Feira PIMEL
de regresso em
Alcácer do Sal
Música, gastronomia e atividades equestres compõem o 'cartaz' deste ano da PIMEL – Feira de Turismo e das Atividades Económicas de Alcácer do Sal, que decorre a partir desta quinta-feira, 23, no "espaço renovado" do Parque Urbano da cidade.
07h00 - quinta, 23/06/2022
Detido por
tráfico de droga
em Milfontes
Um homem de 27 anos foi detido, no domingo, 19, pela GNR por suspeitas da prática do crime de tráfico de estupefacientes em Vila Nova de Milfontes, no concelho de Odemira.
07h00 - quinta, 23/06/2022
Produção de arroz cai
20% no Vale do Sado
O presidente do Agrupamento de Produtores de Arroz do Vale do Sado (APARROZ), com sede em Alcácer do Sal, estima uma quebra de 20% na produção de arroz na região em relação à campanha de 2021, com uma redução da área de cultivo na ordem dos 1.

Data: 17/06/2022
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial