07h00 - quinta, 03/12/2020

Aguardente de S. Teotónio
é a melhor de Portugal

Aguardente de S. Teotónio é a melhor de Portugal

E a melhor aguardente do país é a… "Medronho Original", produzida pela empresa Júnior Jacques Destiladores, instalada na zona de São Miguel, na freguesia de São Teotónio (concelho de Odemira). A distinção foi atribuída durante o 5º Concurso Nacional de Aguardentes Não-Vínicas, recentemente realizado em Santarém, em que a aguardente de medronho do Alentejo Litoral não recebeu um, mas dois prémios: a "Medalha de Ouro", na competição de aguardentes de medronho, e o prémio "Melhor dos Melhores", que considerou todos os vencedores nas diversas categorias a concurso.
"Obviamente que estamos muito orgulhosos de receber estes prémios. É o resultado de muito trabalho e muita dedicação", reconhece ao "SW" Afonso Pereira, que criou a Júnior Jacques Destiladores em 2015, juntamente com Marieke Devillé.
A aposta "na qualidade" na destilação de aguardente tem sido, desde o início, a aposta destes produtores, mas ainda assim as distinções agora recebidas não deixaram de ser, em parte, uma surpresa. "O mais surpreendente foi ganharmos a medalha de 'Melhor dos Melhores'. Isso foi surpreendente e um reconhecimento da qualidade do nosso produto", diz Afonso Pereira.
Este produtor admite que os dois prémios recebidos podem ajudar a marcar a crescer, sobretudo no mercado nacional. "Sem dúvida que estes prémios nos dá projecção a nível nacional e reconhecimento junto de alguns dos nossos clientes internacionais. Com certeza que é uma grande mais-valia para a marca e para o nosso projecto. E também ajuda ao reconhecimento da fileira do medronho", frisa.

Destilados de alta qualidade
A Júnior Jacques Destiladores está instada no lugar do Sobral, em São Miguel, na freguesia de São Teotónio e foi criada há cinco anos por Afonso Pereira e Marieke Devillépara produzir "destilados de alta qualidade".
O nome é uma "homenagem sentida"aos seus avós, Albano Pereira Júnior e Jacques Joaquim Guedes, de quem herdaram, "por um lado, o gosto pela arte da alquimia e, por outro lado, o gosto pela arte do bem-viver, do companheirismo e da amizade".
Desde então a Júnior Jacques Destiladores tem vindo a crescer, produzindo em média 1.600 litros de aguardente de medronho por ano, que comercializa nas variantes "Original" e "Smooth 42". Grande parte da produção é vendida directamente na destilaria, mas também em lojas e hotéis da região.
A par disso, a marca é distribuída no Algarve pela Garrafeira Soares, além de marcar presença em algumas lojas e restaurantes na zona de Lisboa, mas algo ainda "muito residual".
"Continuamos a ser os nossos principais vendedores. Na destilaria vendemos cerca de 60% da produção e o restante através da distribuição", adianta Afonso Pereira, destacando o facto de a destilaria contar, desde Março de 2020, com uma loja online (em https://juniorjacques.pt/wp/store/).


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - quinta, 23/06/2022
Detido por
tráfico de droga
em Milfontes
Um homem de 27 anos foi detido, no domingo, 19, pela GNR por suspeitas da prática do crime de tráfico de estupefacientes em Vila Nova de Milfontes, no concelho de Odemira.
07h00 - terça, 21/06/2022
Alemão que incendiou
Fluvial Odemirense condenado
O alemão acusado de furto e incendiar as instalações do Clube Fluvial Odemirense, em Odemira, em outubro de 2021, foi condenado nesta segunda-feira, 20, no Tribunal de Beja, a seis anos e seis meses de prisão.
07h00 - segunda, 20/06/2022
Odemirense
sagra-se campeão
distrital da 2ª divisão
A equipa do Odemirense conquistou neste fim-de-semana o título de campeão distrital da 2ª divisão em 2021-2022, depois de já ter garantido o regresso ao "Distritalão" na próxima temporada.
07h00 - segunda, 20/06/2022
Mar "inspira" novos
negócios no Alentejo Litoral
Cada vez mais negócios na costa alentejana tiram proveito do mar e atraem turistas à procura de novas aventuras.
07h00 - segunda, 20/06/2022
Utentes exigem
obras na Extensão
de Saúde de Milfontes
A falta de profissionais e a degradação da Extensão de Saúde de Vila Nova de Milfontes, em Odemira, são criticadas pela comissão de utentes do concelho, que aproveitou a realização da FEITUR para sensibilizar a população para estes problemas.

Data: 17/06/2022
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial